• Triunfo Hoje

Homicídios cresceram 35% em janeiro


Pernambuco teve uma alta de 35% de homicídios em janeiro deste ano na comparação com o mesmo período de 2016. Foram 479 mortes contra 354 no ano passado. No último mês foram registradas 273 mortes violentas no Interior. As 14 cidades da Região Metropolitana somaram juntas 136 assassinatos. O Recife ocupa a liderança nesse primeiro mês do ano com 70 crimes. Dos 185 municípios do Estado, 36% não tiveram registro de homicídio. Os casos de estupro também avançaram, chegando a 148 no primeiro mês do ano, sendo a maioria deles (31), no Recife, seguido de Olinda (16) e Jaboatão dos Guararapes (15).


Com a divulgação desses dados, a Secretaria de Defesa Social (SDS) iniciou um novo modelo de informação sobre a violência no Estado, que inclui a divulgação da criminalidade além do termômetro dos assassinatos. Apesar disso, os dados que eram apresentados na plataforma digital da SDS praticamente diariamente passam a ser mensais.


O cientista político e professor da UFPE, Jorge Zaverucha, avaliou como positiva a disponibilidade de dados sobre vários crimes, mas viu negativamente a demora para o conhecimento público. “Quanto mais transparência melhor. Agora, ao mesmo tempo se se toma medidas para dar mais transparência com novos indicadores porque se dificulta a publicação dos números tornando mensal? Fica uma coisa dúbia.”


O secretário de planejamento, Márcio Stefanni, justificou que a mudança de prazos para a divulgação dos homicídios faz parte de uma estratégia para esclarecer melhor esses crimes violentos. O objetivo é verificar a real intencionalidade das mortes antes da disponibilização ao público. Sobre o aumento de 35% dos homicídios em janeiro deste ano, Stefanni elencou que um dos fatores que colaboraram para esse cenário foi a operação padrão da Polícia Militar. “É óbvio. Quando você tira a polícia das ruas há um aumento de criminalidade.” Aliado a isso, avaliou, há o desemprego, que deixou cerca de 90 mil pessoas sem trabalho em 2016. A operação padrão iniciou em dezembro. Naquele mês foram 472 assassinatos, contra 406 em novembro.


Mulher

O Estado registrou, em janeiro de 2017, 148 casos de estupro em 53 cidades. Destes 60 foram no interior e 57 na RMR. Na comparação dos anos de 2015 e 2016 houve o incremento de sete crimes desta natureza em todo o Estado. Contudo, as estatísticas demonstram que esse crime cresceu 4,6% na Capital (19 casos a mais) e 5,1% na RMR (33 casos a mais).


Para a gestora do Departamento de Polícia da Mulher, Inalva Regina, os números absolutos não significam, necessariamente, aumento dos crimes. Antes, podem refletir uma procura maior das vítimas em denunciar a violência nas delegacias. “O número inclusive pode ser muito maior.”


Fonte: Folha de PE

#Homicídios #crescimentodehomicídios

© 2020 TRIUNFO HOJE