• Triunfo Hoje

Pernambuco abre 2,7 mil novos empregos em junho


Pernambuco fechou o mês de junho com saldo positivo de 2.726 novos postos de trabalho, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta segunda-feira (17) pelo Ministério do Trabalho. O setor que mais contratou no estado foi a da indústria da transformação, com 1.566 empregos criados.


O saldo positivo foi gerado pela diferença entre 30.600 contratações e 27.874 demissões, representando um crescimento de 0,22% em relação ao mês de maio. Outro setor que contribuiu de forma expressiva para este resultado foi a agropecuária, gerando 1.380 novas vagas de emprego.


Crescimento nacional Entre demissões e contratações, foram criados 9,8 mil postos de trabalho com carteira assinada no Brasil em junho. É o terceiro mês consecutivo que é positivo para a geração de vagas formais.

No primeiro semestre, o saldo entre demissões e contratações foi positivo em 67,3 mil vagas formais, uma leve expansão de 0,18% na comparação com dezembro do ano passado.


Como vem ocorrendo nos últimos meses, o resultado foi fortemente influenciado pela geração de vagas no setor da agropecuária, que criou 36,8 mil postos de trabalho com carteira no mês passado.


Somente o cultivo de café, concentrado em Minas Gerais, gerou 10,8 mil postos de trabalho formais. O cultivo de laranja e de soja criaram, respectivamente, 7,4 mil mil e 2,4 mil vagas.


Já a indústria de transformação, o comércio e a construção civil eliminaram, nessa ordem, 7,8 mil, 2,7 mil e 8,9 mil postos de trabalho formais. Dos oito setores acompanhados pelo Caged, somente dois -administração pública e agropecuária- geraram vagas. As informações são da FolhaPE.

#Pernambuco #Empregos #junho

© 2020 TRIUNFO HOJE