Pernambuco registrou 416 assassinatos em fevereiro deste ano

16.03.2018

Pernambuco registrou um total de 416 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) no mês de fevereiro. O número representa uma redução de 16,13% quando comparado com o mesmo mês do ano passado. Em janeiro, a Secretaria de Defesa Social (SDS) já havia contabilizado 451 assassinatos, o que deixa o estado com o total de 867 mortes nos dois primeiros meses deste ano. De acordo com a SDS, o mês de janeiro deste ano já havia registrado uma redução de 6,08% no total de CVLIs em comparação com janeiro de 2017. A redução no índice de fevereiro de 2018 também ocorreu em relação às ocorrências do mês anterior, com 7,1% menos CVLIs em fevereiro. A SDS anunciou os dados ontem e afirmou ainda que houve aumento no número de prisões de criminosos e a apreensão de armas.

A divulgação dos números de assassinatos veio acompanhada das motivações. Segundo a SDS, o tráfico de drogas e os acertos de contas entre grupos rivais corresponderam a 75% dos CVLIs notificados em fevereiro. Conflitos na comunidade representaram 15,1% das ocorrências. Os roubos seguidos de também apresentaram reduções em comparação com fevereiro do ano anterior. Os latrocínios diminuíram de  27 para 13 registros, um redução de 51,85%. Ainda segundo a SDS, apenas um caso de feminicídio foi registrado no mês passado. Já os crimes de estupro foram 173 no mês passado. No mesmo mês do ano passado houve 176 registros em Pernambuco.

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, destacou as estratégias de fortalecimento da segurança pública no estado. “A aplicação de recursos para a segurança em Pernambuco tem crescido ano a ano na gestão do governador Paulo Câmara. Com isso, mais de 6 mil policiais estão ingressando no serviço público. Isso se soma ao aumento da frota, à instalação de mais cinco batalhões e companhias da PMPE, à criação de nove Delegacias de Repressão ao Narcotráfico e à interiorização da Polícia Científica, com mais nove unidades”, destacou Pádua.

Em fevereiro de 2018, as polícias estaduais realizaram a prisão de 157 acusados de homicídio, dos quais 69 foram em flagrante delito. Além disso, as polícias apreenderam 480 armas no mesmo mês, e foram cumpridos 334 mandados de prisão. Também houve reforço no combate aos crimes contra a mulher. Em novembro, foi inaugurada uma Delegacia da Mulher em Afogados da Ingazeira que atende à região do Sertão do Pajeú. Nos quatro meses de atuação, já foram registrados mais de 100 boletins de ocorrência. O Cabo de Santo Agostinho também recebeu, neste mês, uma nova sede para atender  às denúncias das mulheres.

 

 

 

 

Fonte: Diário de Pernambuco

 

Please reload

1/11

© 2016 TRIUNFO HOJE