10 Destinos para conhecer no Brasil

18.10.2019

Praias, cachoeiras, parques, dunas, lagoas, cidades históricas e muito mais. Muitos turistas gostam de viajar para conhecer locais e monumentos famosos em países como Inglaterra, França, EUA, entre outros. Porém o nosso país também conta com vários destinos tão atraentes para viajar quanto outros países.

 

O Brasil é encantador, de norte a sul do país encontramos diferentes paisagens que enchem os olhos de turistas do mundo inteiro. O Triunfo Hoje selecionou lugares incríveis para se aventurar e curtir paisagens surreais.

 

 Prepare a sua mochila e pegue a estrada para curtir um país bonito por natureza!

 

 

Cavernas do PETAR – SP

O Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (Petar), no sul de São Paulo é conhecido pelas mais de 350 cavernas em seu território. Salões gigantes, dunas, cachoeiras, abismos de até 240 metros de profundidade, ‘quebra-corpos’ e escaladas. Há cavernas de todos os tipos. O parque abriga a maior caverna do estado de São Paulo, com 8 km de extensão a Caverna de Santana é a mais linda e visitada do Petar.

 

 

Praia dos Carneiros, Tamandaré – PE

Uma da praias mais desertas do litoral pernambucano, banhada por um mar muito calmo com águas transparentes. Os recifes de corais perto da costa formam piscinas naturais de águas quentes e praticamente na beira d’água está um dos cartões-postais da praia: uma igreja muito charmosa, dedicada a São Benedito, cercada por coqueiros que se destaca nos 8 km de orla.

 

 

Piscinas naturais de Moreré, Ilha de Boipeba – BA

Na maré baixa é possível sentir-se dentro de um aquário nas piscinas naturais de Moreré. As águas transparentes são repletas de peixes coloridos de várias espécies que, já acostumados com humanos, vem comer nas mãos dos turistas.

 

 

Praia da Guarita, Torres – RS

A Praia da Guarita é considerada a mais bonita de Torres no Rio Grande do Sul. A alta-temporada é no verão, quando a larga faixa de areia dourada e batida é tomada por banhistas e surfistas. O mar é agitado, com ondas boas para a prática do surf além de outros esportes náuticos. Além de esportistas, os amantes de natureza também se sentem em casa no local, que é cercado pela vegetação nativa.

 

 

Praia da Graciosa, Palmas – TO

É a principal “praia” da cidade que não tem saída para o mar. Os 520 metros de orla fazem parte da Usina Hidrelétrica de Lajeado, e são repletos de bares e restaurantes. Perfeita para um almoço, banho, ou relaxar até o fim da tarde quando o pôr-do-sol faz um espetáculo no lugar.

 

 

Poço Encantado, Sengés – PR

Sengés está na região do Vale do Itararé, a menos de 3 horas de Londrina. Lá é possível encontrar uma abundância de rios, riachos, corredeiras e cascatas de águas límpidas. Um deles é o Poço Encantado, uma grande nascente que forma uma lagoa azulada. O movimento da areia no ponto onde a água emerge é o mais impressionante. Para visitar é preciso da autorização do PISA Reflorestamento.

 

 

Ilha de Cataguases, Angra dos reis – RJ

Dentre as ilhas em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, a Cataguases é a mais próxima do continente. O maior atrativo é o mar, com águas tranquilas e límpidas, com tons de verde e azul, além de ideal para mergulho. a areia é branca, fina e macia e a vegetação, bastante cerrada, é um detalhe a mais na paisagem. Para acessá-la, é preciso ir de barco próprio ou alugado.

 

 

Cachoeira do Buracão, Chapada Diamantina – BA

O nome já diz tudo. É uma cachoeira dentro de um grande “buraco”. Mas o buraco na verdade é um cânion de três metros de largura e 90 de altura e a cachoeira é uma queda d’água de 85 metros de altura que alimenta o rio de águas escuras. Para chegar ali é preciso caminhar por uma trilha de nível fácil, que leva cerca de uma hora.

 

 

Praia do Francês, Marechal Deodoro – AL

É um dos destino mais cobiçados do litoral sul de Alagoas. A praia se destaca pelo paredão de recifes de corais que emerge durante a maré baixa, formando uma piscina enorme de águas azuis em frente a orla. As águas quase sempre são mornas e não atingem grandes profundidades.

 

 

Parque Nacional do Pantanal Matogrossense – MT

Os 135 mil hectares do parque abrigam a fauna típica do Pantanal Matogrossense como jacarés, capivaras, cervos, onças-pintadas, ariranhas e tuiuiús, pássaro símbolo do pantanal. Há apenas duas formas de conhecer a região: passeios de lancha de um dia ou com barcos-hotéis.

 

 

 

 

Please reload

1/11

© 2016 TRIUNFO HOJE